chatas de galochas.

6 Jul

mulheres são chatas. não à toa conto amigAs nos dedos. mulheres, de forma geral, são chatas. sempre temos alguma coisa: tpm. fome. sono. dor de cabeça. mau-humor. sede. trabalho demais. trabalho de menos. chefes malas. pêlos crescendo. unhas por fazer. cabelos brancos. cabelos revoltos. cabelos por pintar. mulher é um trampo danado.

deve ser por causa disso que os autores das séries não fazem muita questão de colocar mulheres fazendo papéis bacanas. mulheres são chatas mesmo, logo, suas intérpretes devem ser tão xaropes quanto todas as mulheres do mundo. mas eles poderiam ser mais generosos na ficção, botar umas mulheres bacanudas e com doses reduzidas de chatice, pra nós, mulheres chatas, termos um motivo a menos pra reclamar. mas não. as mulheres das séries, as personagens, são insuportavelmente chatas.

greys-anatomy

grey´s anatomy, por exemplo. são todas tão chatas que não consegui acompanhar a última temporada. izzie stevens é chata – tudo bem que ela tá doente, mas já era chata antes. cristina yang era chata e o dr. burke se ligou nisso no dia de subir ao altar. addison era tão chata que vazou, aí criaram um seriado chato pra ela compartilhar com outras chatas. chatice que se espalha… quê dizer, ora pois, da protagonista? meredith grey ganha de todas no quesito chatice. vive pra cima e pra baixo pelos corredores do hospital com sua cara pálida, torturando o dr. shepherd com seu jeitinho volúvel, indeciso, indefeso e chato. e como chatice é genética, a irmã – dra. greyzinha – também é uma chata.

mas isso não é exclusividade da sony. true blood, da HBO, também tem um volume considerável de chatas por metro quadrado. a começar por sookie stackhouse. todo episódio sookie implica com o vampiro bill por alguma coisa. o coitado deve estar pensando em abandonar essa vida eterna. tara também é chata, a começar pelo tom de voz, como se estivesse sempre recitando um rap americano.

adoro desperate, o seriado cuja chatice já se auto-explica no nome. donas de casa desesperadas. não tinha como ter uma mulher legal. susan é chata, lynette é chata, gaby é chata e a bree é a chata-mor. pronto, falei.

pra não dizer que o mundo ficcional tá todo errado, as mulheres de how i met your mother são legais. tomam cerveja, falam palavrão e não vivem tendo crises de mulherzice por aí.

este post poderia acabar de forma romântica: “mesmo sendo tão chatas, o quê seria do mundo sem elas?”. mas não. mulheres são chatas e sem algumas delas o mundo hoje seria um lugar mais suportável.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: